Conecte-se conosco

Inscrever-se

Campo Limpo Paulista

Prefeito Luiz Braz garante apoio aos desabrigados

As famílias que deixaram suas casas por conta das chuvas de final de janeiro terão avaliação caso a caso e serão acolhidas até uma solução definitiva

O prefeito de Campo Limpo Paulista, Luiz Braz esteve na semana passada conversando com os moradores desabrigados pela chuva do final de semana de 29 e 30 de janeiro. Foram interditados 46 imóveis, a grande maioria apenas em caráter preventivo – destes, 22 famílias estão no abrigo municipal que fica na Casa do Senhor, no Jardim Marchetti,  e as demais em casas de parentes e amigos. “Eu falei que voltaríamos quando tivéssemos respostas. Por isso estamos aqui, para tranquilizá-los”.

A cidade declarou Estado de Emergência na segunda, 31 de janeiro. Ao longo de todo esse período, está fazendo diversas análises nas áreas atingidas que ficam nos bairros Vila Constança, Botujuru, Brasília, Marchetti e Santhiago. O laudo do IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) foi apresentado no início da semana pontuando ações que devem ser realizadas pela administração municipal para solucionar e minimizar os riscos à população.

Os imóveis interditados passarão por uma vistoria da Defesa Civil. Após essa etapa, as famílias serão liberadas para retorno ou então, serão encaminhadas para análise da administração municipal. A Prefeitura de Campo Limpo Paulista prepara um projeto de lei que deve enviar à Câmara Municipal de Campo Limpo Paulista nos próximos dias, instituindo os benefícios, como por exemplo uma revisão do valor do aluguel social.

O vice-prefeito Paulo Fávaro diz que nunca a cidade teve um apoio tão ágil por parte dos governos estadual e federal. “Precisamos sim das verbas para reconstrução de nossa cidade. Mas é importante lembrar que as ações de moradia estão sendo feitas pela municipalidade”. Todas as famílias serão visitadas pela Defesa Civil, inclusive as que não estão no abrigo municipal.

“Cada caso é um caso. A situação de cada um de vocês será analisada por diversos setores da Prefeitura, para que possamos encontrar a melhor solução”, fala Dr. Luiz e lembra que ninguém voltará para casa se houver o menor risco, serão avaliados pelos setores da Prefeitura. “É preciso cuidar da nossa população. Esse é o trabalho da Prefeitura e estamos aqui, cumprindo o nosso papel”, finaliza o prefeito Luiz.

Situação de emergência – A Prefeitura de Campo Limpo Paulista investe no amparo às famílias desabrigadas. Com o decreto de emergência homologado pelos governos do Estado e Federal, os planos de recuperação do município foram encaminhados e aguardam a liberação de recursos. De acordo com o laudo técnico do IPT, as obras devem ser iniciadas apenas no período de estiagem. Entre as obras solicitadas estão recuperação de drenagem e escadas hidráulicas nas áreas afetadas, muros de contenção nas margens do Rio Jundiaí e nas cabeceiras das pontes. Reconstrução da ponte de pedestres do jardim Marchetti e a canalização de passagens da rua Santo Antônio em Botujuru e Estrada do Cunha no Pau Arcado. O governo do Estado já liberou recursos para manutenção de estradas e limpeza de córregos e drenagens.

Cadastre-se

Insira seu email para receber as novidades

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Matérias mais vistas

Prédio do novo Fórum da Comarca de Itupeva é inaugurado

Itupeva

TCE julga irregular repasse de R$ 98 milhões para o HSV em 2015

Jundiaí

Carnaval 2022: Veja o que abre e fecha em Campo Limpo Paulista

Campo Limpo Paulista

Cultura lança o programa Pé de Ouvido

Jundiaí

Cadastre-se

Insira seu email para receber as novidades

Jundiaí Notícias é marca registrada. Região Metropolitana de Jundiaí abrange Cabreúva, Campo Limpo Paulista, Itupeva, Jarinu, Jundiaí, Louveira e Várzea Paulista.

Conectar
Cadastre-se

Insira seu email para receber as novidades